Rubão quebra silêncio sobre saída do Corinthians

Rubão quebra silêncio sobre saída do Corinthians

Rubão não é mais diretor de futebol do CorinthiansReprodução

Um dia após o Corinthians anunciar a saída de Rubens Gomes, o Rubão, o agora ex-diretor de futebol do clube utilizou as redes sociais para se pronunciar sobre a demissão.

Por meio de texto publicado no Instagram, Rubão explica que recebeu uma ligação do presidente Augusto Melo comunicando da decisão, citando que o motivo seria uma pressão sobre ele.

Confira abaixo o texto completo:

“Fala, Fiel Torcida. Espero que todos vocês estejam bem e com saúde. Como de minha parte nunca abandonei a transparência, tão prometida a vocês durante a última campanha, venho aqui explicar o que aconteceu nas últimas horas. No final da tarde desta quinta-feira, o presidente Augusto Melo ligou para mim e disse que precisava que eu deixasse o cargo de diretor de futebol.”

“A única explicação dada foi a pressão que ele disse sofrer. Estranhei, pois tenho consciência que uma decisão como essa agita ainda mais o clube, já conturbado pelas recentes notícias sobre comissões de patrocínio, permuta de colchões, resistência à contratação de CEO e volta da equipe sub-23. Aliás, nunca deixei de questionar questões como essas, o que não deve ter agradado algumas pessoas.”

“Pior, justamente no momento em que nosso time consegue reagir e vencer dois jogos seguidos. Em momentos assim precisamos de tranquilidade e de que todos entendam que o objetivo coletivo (nosso time) precisa estar acima de questões pessoais.”

“Alimenta a estranheza também o fato de nos últimos dias eu ter defendido a gestão publicamente, uma vez que a diretoria e o próprio presidente concordaram, em nossa última reunião, que era necessário impedir o avanço das comissões, pelo menos da forma como foram feitas”.

“Enfim, na condição de presidente e responsável pelo que acontece no clube, Augusto Melo tem todo o direito de escolher as pessoas com as quais quer e não quer trabalhar”.

“A partir de agora, como muito orgulho, retomo meu lugar no Conselho Deliberativo, onde há mais de 20 anos sou conselheiro vitalício, para retomar meu trabalho que já fazia mesmo quando estava na diretoria: questionar, fiscalizar e cobrar sempre, se olhos bem abertos com os oportunistas e pensando única e exclusivamente no bem do Corinthians. Doa a quem doer! Vai Corinthians! Sempre!”.

O Corinthians volta a campo neste sábado (4), às 21h, na Neo Química Arena, para enfrentar o Fortaleza. O Timão vem de sequência de duas vitórias e busca mais três pontos no Brasileirão.

Fonte: www.canalrural.com.br
O conteúdo acima foi originalmente publicado no CanalRural e indexado ao Alta Notícias

COMPARTILHE!