Bem-vindo(a). Hoje é - Alta Floresta - MT

Em nota oficial, Palmeiras chama John Textor de ‘caricato’

Nos siga no Instagram para receber as notícias em primeira mão!
Palmeiras e Botafogo seguem em ‘pé de guerra’Foto: Cesar Greco/Palmeiras e Vítor Silva/Botafogo

O Palmeiras emitiu uma nota, nesta segunda-feira (1), criticando John Textor, CEO da SAF do Botafogo, por suas declarações sobre supostas provas de favorecimento ao Alviverde no último Brasileirão. Na publicação, o clube afirmou que não pretende se manifestar, mas chamou o norte-americano de ‘caricato’, por conta de suas acusações. Ainda de acordo com a nota, o dirigente alvinegro tenta encontrar justificativas pela perda do título nacional do ano passado.

No comunicado emitido, o Palmeiras ainda diz que a acusação de Textor é ‘bizarra’. E ainda destaca que deixará as investigações a cargo das autoridades competentes. Anteriormente, a presidente do clube, Leila Pereira, já tinha chamado o norte-americano de ‘desequilibrado’, por conta de suas suspostas denúncias. A reclamação de Textor surgiu justamente após o jogo entre os dois clubes, no segundo turno do Brasileirão passado, quando o Verdão ganhou por 4 a 3, após estar perdendo por 3 a 0.

“O Palmeiras vem adotando todas as medidas jurídicas cabíveis contra o dono da SAF do Botafogo, John Textor, e não pretende se manifestar novamente sobre a bizarra tentativa do caricato cartola de justificar a perda do título brasileiro de 2023. Confiamos que as autoridades competentes tomarão as providências necessárias com a urgência que o tema exige”.

Em entrevista ao ‘Canal do Medeiros’, no YouTube, John Textor garantiu ter provas de benefícios da arbitragem ao Palmeiras, nos últimos dois anos. Entretanto, não as mostrou abertamente, como já tinha apontado fazer.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: Twitter, Instagram e Facebook.

Fonte: www.canalrural.com.br
O conteúdo acima foi originalmente publicado no CanalRural e indexado ao Alta Notícias

COMPARTILHE!
WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE