Bem-vindo(a). Hoje é - Alta Floresta - MT

Vasco trabalha para se organizar após passagem de Alexandre Mattos

Nos siga no Instagram para receber as notícias em primeira mão!
[object Object]Foto: Reprodução/VascoTV

O diretor de futebol Alexandre Mattos foi demitido do Vasco na última quinta-feira, após passagem de apenas 100 dias no cargo. O desligamento deixou um grande desafio para a gestão liderada pelo CEO Lúcio Barbosa resolver. Com uma abertura de janela de transferências próxima de acontecer e renovações de contrato de atletas do clube a serem fechadas, o substituto de Mattos terá muito trabalho para arrumar o clube até o início do Campeonato Brasileiro, em abril. O emprego relâmpago foi marcado também por entrevistas polêmicas e desgaste com os chefes americanos da 777 Partners. A falta de agilidade e agressividade da SAF para autorizar contratações foi algo que irritou Alexandre, como nos casos de Cuellar, Breno Lopes e Pedro Henrique.

O Vasco não trata a situação de diretoria com desespero e indicou que o próprio Lúcio Barbosa irá ocupar a cadeira, pelo menos por enquanto. Além disso, o CEO comandará a janela extraordinária que acontecerá entre os dias 1 e 19 de abril. Nela, times das séries A e B estarão autorizados a contratar jogadores que disputaram os campeonatos estaduais em 2024. Antes de sua demissão, Mattos apresentou alguns nomes à 777 visando essa abertura de mercado. O foco seria um volante de marcação, posição que vem sendo solicitada pela comissão técnica há algum tempo. Lúcio deve seguir essas negociações e assumir um posto mais efetivo na chegada de atletas ao Gigante da Colina.

+ Vazamento de conversas de Alexandre Mattos costura fim da relação com o Vasco

Para tratar de renovações de contratos, o futuro diretor de futebol, quem quer que seja, terá bastante tempo para chegar a acordos com Léo Jardim e o zagueiro Léo. Mattos vinha iniciando as costuras de acordos com os jogadores, mas sem fechar qualquer contrato. Ambos os atletas possuem vínculos com o clube até dezembro de 2025 e já manifestaram desejo de renovar com o Vasco. A grande questão nesta aba de negociações é a situação do chileno Gary Medel. O zagueiro e capitão da equipe tem vínculo somente até dezembro de 2024 e também pensa em continuar no clube. Caso exista alguma dificuldade em encontrar um diretor de futebol, Barbosa será encaminhado para conversar com os agentes dos futebolistas.

Pensando no curto prazo, a SAF se prepara para organizar, sem Mattos, uma comissão composta por Barbosa, setores de scout do Vasco e da 777 Football Group. O grupo vai assumir temporariamente a missão de quitar esses assuntos considerados urgentes. O Cruz-Maltino fará uma preparação de inter-temporada com com o elenco hospedado em um hotel na Barra da Tijuca e treinos em tempo integral no CT. De olho na estreia contra o Grêmio, no dia 13 ou 14 de abril, o clube também deve fazer jogos-treino para manter os jogadores em bom ritmo. Para citar como exemplo, nesta sexta-feira (22), o time enfrentou e venceu o Olaria por 5×0.

+ Para saber tudo sobre o Vasco, siga o Esporte News Mundo no Twitter, Facebook e Instagram.

O desempenho do Vasco em campo é assunto também. Eliminado nas semifinais do Carioca para o Nova Iguaçu, o clube apresentou sinais preocupantes nas duas exibições no Maracanã. A falta de um elenco mais robusto foi comentada por Emiliano e Ramón Díaz. Ao todo, Mattos contratou 9 jogadores e gastou 120 milhões de reias, mas isso não foi suficiente para chegar à decisão do estadual.

Fonte: www.canalrural.com.br
O conteúdo acima foi originalmente publicado no CanalRural e indexado ao Alta Notícias

COMPARTILHE!
WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE