Bem-vindo(a). Hoje é - Alta Floresta - MT

Juiz inventa pênaltis, rouba noite de Endrick, mas Brasil arranca empate com a Espanha

Nos siga no Instagram para receber as notícias em primeira mão!
Juiz português manchou o grande clássico entre Espanha e Brasil Foto: Reprodução/RTVE

O juiz António Nobre apitou o jogo com uma camisa da Espanha por baixo, nesta terça-feira (26), no Estádio Santiago Bernabéu. Afinal, o assoprador de apito inventou dois pênaltis para os europeus, foi o herói da Fúria, mas não conseguiu assegura o triunfo dos donos da casa: 3 a 3, emocionante, com uma arbitragem desastrosa que roubou a noite de Endrick.

Brasil conhece Yamal e Olmo

Até a metade do primeiro tempo, foi um banho de bola da Espanha. O Brasil, então, conheceu Yamal. Ele passou como quis pelo lado esquerdo da defesa amarela, promoveu o seu Carnaval e fez Gomes cair em sua arapuca. Habilidoso, mas piscineiro, ele aproveitou o movimento errado do ex-rubro-negro e se atirou. Pênalti que Rodri converteu.

A Fúria seguiu mandando e desmandando na partida. Desta vez, então, Olmo aprontou para cima da defesa, superou facilmente a dupla brasileira e ampliou para os ibéricos. A Espanha, no entanto, para não cair no tédio, deu um gol para o Brasil, quando Simon entregou nos pés de Rodrygo.

Espanha já conhecia Endrick

Futuro reforço do Real Madrid, Endrick não precisou de apresentações. Em quatro minutos, depois de quatro alterações de Dorival, o Brasil voltou diferente. E, na primeira bola que sobrou, Endrick colocou lá dentro.

A Espanha retomou o seu estilo de jogo, de muita troca de passe. E ainda contou com seu melhor jogador. António Nobre, que inventou uma penalidade de Beraldo sobre Carvajal. Rodri, de novo, na marca, da cal, recolocou a Fúria na frente.

No entanto, com dor na consciência, Carvajal resolveu retribuir e agarrou Galeno na pequena área. Dessa vez, o juizinho não errou. Paquetá cobrou e decretou um empate emocionante que, no placar verdadeiro, seria um 3 a 1 para o Brasil.

ESPANHA 3×3 BRASIL Amistoso Internacional Data e horário: 26/3/2024, às 17h30 (de Brasília) Local: Estádio Santiago Bernabéu, Madri (ESP) Gol: Rodri, 12’/1ºT (1-0); Olmo, 35’/1ºT (2-0); Rodrygo, 38’/1ºT (2-1); Endrick, 4’/2ºT (2-2); Rodri, 44’/2ºT (3 -2); Paquetá, 51’/2ºT (3-3) ESPANHA: Simón; Carvajal, Normand (Cubarsi, 34’/2ºT), Laporte e Cucurella; Rodri, Ruiz e Olmo; Oyarzabal, Williams, Morata (Oyarzabal, 34’/2ºT) e Yamal. Técnico: Luis de La Fuente BRASIL: Bento; Danilo (Couto, Intervalo), Fabrício Bruno, Beraldo e Wendel; Guimarães (André, Intervalo), Gomes (Andreas, Intervalo) e Paquetá; Vini Jr (Douglas Luiz, 26’/2ºT), Rodrygo e Raphinha (Endrick, Intervalo). Técnico: Dorival Júnior Árbitro: António Nobre (POR) Assistentes: Bruno Jesus (POR) e Luciano Maia (POR) Cartão Amarelo: Normand, Laporte (ESP); Guimarães, Paquetá, Endrick (BRA) Cartão Vermelho:

Siga o Jogada10 nas redes sociais: Twitter, Instagram e Facebook.

Fonte: www.canalrural.com.br
O conteúdo acima foi originalmente publicado no CanalRural e indexado ao Alta Notícias

COMPARTILHE!
WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE