Corrida do Milhão: entenda a novidade da Indy deste final de semana

Corrida do Milhão: entenda a novidade da Indy deste final de semana

Corrida do Milhão da IndyDivulgação

A ESPN 4 irá transmitir, no próximo domingo (24), a Corrida do Milhão da IndyCar, a partir das 13h30, além da classificação no sábado (23), às 21 horas. Mas, afinal, o que será evento, que não valerá pontos para o campeonato que acontece ao longo do ano?

Essa será a primeira corrida nessas condições desde 2008, quando houve uma prova pós-temporada, também sem valer pontos. O encontro, na pista privada de The Thermal Club, em Palm Springs, California, será uma corrida extra que terá como principal atração uma premiação total de US$ 1,7 milhões, a segunda maior de toda temporada, atrás apenas da tradicional 500 Milhas de Indianápolis.

O comentarista Victor Martins estará ao lado de Christian Fittipaldi e do narrador Thiago Alves para acompanhar todas as emoções da Corrida do Milhão. E o especialista em automobilismo explicou melhor o que será a corrida do próximo fim de semana.

“A Indy quis resgatar um formato de evento que teve nos anos 90 de fazer uma prova extracampeonato com um prêmio milionário e viu uma grande oportunidade de fazer isso numa pista novíssima como a do Thermal Club, na Califórnia, onde os pilotos realizaram testes no ano passado. A diferença é que o evento era sempre realizado no fim da temporada e, neste caso, será logo depois da abertura”, afirmou o comentarista. A prova terá formato diferente do comum. Um sorteio colocou os pilotos em dois grupos distintos. Cada um deles terá uma corrida de 10 voltas em bandeira verde ou 20 minutos, sem direito a pit stop. Serão 6 classificados por grupo, e os 12 pilotos entrarão novamente na pista para fazer a corrida final.

“O conceito adapta o formato convencional da classificação em circuitos de rua/mistos e faz com que os 12 melhores classificados disputem a fase final. Aí vira um ‘pega’ exclusivo – e até inusitado. Entendo que será uma experiência que vai passar por uma boa avaliação da categoria”, complementou Victor Martins.

O grande vencedor da corrida levará para casa US$ 500 mil, cerca de R$ 2,5 milhões. O restante da premiação será distribuído aos outros pilotos, conforme a classificação.

A grande premiação dá ênfase ao tom de evento de luxo da IndyCar. O Thermal Club é um condomínio fechado, com pista nova, com público exclusivo. A corrida não terá as grandes arquibancadas que costumam cercar a modalidade, mas ingressos com preços altos para quem for acompanhar de perto a competição.

Essa será a segunda corrida da temporada da IndyCar. O primeiro evento, que valeu pontos para a competição, foi em São Petersburgo, nos Estados Unidos. A próxima está marcada apenas para o dia 21 de abril, em Long Beach.

Além das emoções da corrida, o público brasileiro poderá acompanhar de perto a performance de Pietro Fittipaldi, que estará na briga pelos prêmios milionários do evento.

Fonte: www.canalrural.com.br
O conteúdo acima foi originalmente publicado no CanalRural e indexado ao Alta Notícias

COMPARTILHE!